07.12.15 | Escrito por: O Bom de Viajar

Corrida intervalada

Saiba mais sobre a modalidade que oferece maior resistência e perda de peso

 

Corrida intervalada

 

corrida de rua está em alta, sim.

 

 

Um dos esportes mais queridinhos do momento, cada dia com mais adeptos, além de prático e democrático, oferece inúmeros benefícios: redução da gordura corporal, melhora da ansiedade e tensão, ajuda na qualidade do sono, ampliação da capacidade cardiovascular e pulmonar, entre outros.

 

 

E pra quem já entrou no ritmo da atividade e quer dar um upgrade nas suas corridas tradicionais, O Bom de Viajar, em parceria com o time do 30 Todo Dia, traz dicas bem bacanas sobre o treino intervalado. Prepare o fôlego e bom exercício! 😉

 

Corrida intervalada

 

O treino intervalado é eficiente para perda de gordura e recomendado para quem busca aumentar a capacidade cardiovascular. Maravilha, né?

treinamento intervalado consiste no tipo de corrida onde o esforço total é distribuído por intensidades distintas, que são chamadas de velocidade de conforto (base) e velocidade de desconforto (tiro).

 

 

Para simplificar:

 

Treinos intervalados são aqueles em que se percorre uma distância curta, na maior velocidade possível (velocidade de tiro), com diversas repetições, descansando entre cada uma delas (velocidade base).

 

 

Por exemplo, se alguém falar que fez um treino de 6×500, significa que correu 6 tiros de 500 metros cada um a uma velocidade próxima da exaustão, com intervalo de descanso (em velocidade base) entre eles.

 

 

Treinos contínuos

 

Os treinos contínuos, feitos em velocidade conforto (que nada mais são que as corridas tradicionais, em velocidade base), são ótimos para melhorar as condições gerais de saúde do atleta, dentre elas a equalização das taxas de glicose sanguínea, colesterol e pressão arterial.

 

 

Porém, é importante destacar que o aumento do condicionamento físico do organismo só acontece quando saímos da velocidade de conforto e fazemos um esforço a mais, indo à “ofegância”, através da velocidade de desconforto (velocidade de tiro).

 

 

Logo, se você pretende aumentar sua velocidade de corrida sem ficar cansado rapidamente, deve incluir em suas rotinas o treinamento intervalado, evitando os treinos apenas com velocidade contínua.

 

Corrida intervalada

 

Como determinar a velocidade base

 

velocidade base varia de pessoa para pessoa e pode ter intensidade de caminhada ou de corrida, não importa. O que deve ser considerado é que nessa velocidade não há o componente ofegante. Se optar pela intensidade de corrida, você deve conseguir correr por pelo menos 20 minutos ou mais sem precisar reduzir a velocidade. Na velocidade base é possível até conversar com um amigo e no máximo serão necessários alguns segundos entre uma palavra e outra para recuperar a respiração.

 

 

A frequência cardíaca alvo deve ficar na faixa de 65% a 70% da reserva (limiar aeróbio). Se você não consegue correr por pelo menos 20 minutos, ou não sabe se é possível, adote uma intensidade de caminhada.

 

 

Como determinar a velocidade de tiro

 

velocidade de tiro ou desconforto vai acontecer em qualquer valor de velocidade acima de 70% da frequência cardíaca ou da potência aeróbia máxima.

 

 

Mas lembre-se: quanto maior o percentual de intensidade, menor deve ser o tempo de tiro. E quanto menor for o percentual de intensidade, menor deve ser o tempo de recuperação.

 

 

Esperamos que essas dicas possam ajudar no aumento do seu condicionamento físico e no seu ritmo de corridas, afinal, O Bom de Viajar e o 30 Todo Dia estão de olho no verão e na sua saúde! <3

 

 

Fique ligado que muitas novidades dessa parceria ainda vêm por aí. Enquanto isso, se você quiser saber mais dicas sobre vida saudável, lifestyle e atividade física, visite o site do 30 Todo Dia e movimente-se! 😉

 

Corrida intervalada

 

Tags

#30tododia#Corrida#Esporte

Posts relacionados