21.12.17 | Escrito por: O Bom de Viajar

De Carona com Bomde – Natal em Nova York

Dias de magia e emoção na Big Apple

Quantas Nova York’s você já visitou na vida? A pergunta é essa mesma… Não queremos saber quantas vezes você já foi, mas quais New Yorks você já conheceu.

 

Tem a Nova York dos musicais na Broadway, da Times Square, dos rooftops, das comprinhas, dos parques, da badalação na Fifth Avenue (Quinta Avenida), dos ícones como o Empire State Building, dos museus, bares, pubs, restaurantes e da vida noturna intensa…

 

A multifacetada Big Apple nunca é igual… Mas é incrível sempre! 🗽

 

E para explorar a cidade que nunca dorme, em uma das épocas mais lindas do ano, pegamos carona com – a já conhecida do Bomde – Bruna Curra, que viajou especialmente para curtir dias mágicos na New York natalina.

 

Merry Christmas! Ho ho ho 🎄🎅

 

 

De Carona NY

Start spreading the News
I’m leaving today
I want to be a part of it
New York, New York
Frank Sinatra

.

.

Com vocês, um roteiro em Nova York de pura emoção e magia natalina, por Bruna Curra:

 

Sempre tive o sonho de visitar Nova York próximo ao Natal e poder ver de perto a árvore iluminada do Rockefeller Center, as famosas vitrines das lojas e as casas enfeitadas do Brooklyn. Aproveitando que meu noivo já estaria nos Estados Unidos participando de um evento de trabalho no final de novembro, programamos nossas sonhadas férias na sequência.

 

Combinamos de nos encontrar direto em NY para curtir 10 lindos dias juntos na terra do Tio Sam. <3

.

.

Dia 1

 

Primeiro dia, primeiro desafio… Entrar nos Estados Unidos sozinha. Eu já tinha viajado sozinha outras vezes, mas entrar nos EUA sempre dá um medinho, né? Bora encarar!

 

Comprei uma passagem barata… E isso significa muitas horas em aeroportos. Fiz Porto Alegre -São Paulo, São Paulo – Bogotá, Bogotá – Nova York. Cheguei a Bogotá de manhã cedo (por volta das 6h) e tinha planejado passar o dia em um hotel, porém (primeiro deslize), não levei a carteira de vacinação da febre amarela e não pude entrar no país. Resultado: 15 longas horas na área de embarque do aeroporto. =(

 

 

De carona

Foi quando resolvi visitar a área VIP da companhia aérea e entender se poderia utilizar os serviços da sala. Paguei 30 dólares e pude tomar banho (com uma toalha fofinha e amenities fornecidos por eles), tinha comida e bebidas (alcoólicas e não alcoólicas) à vontade durante o tempo todo, TV, computadores, tomadas e internet. Ou seja, tudo que eu precisava para descansar e embarcar para Nova York bem feliz. 🙂

 

.

Dia 2

 

Cheguei a New York às 6h da manhã e a imigração foi super tranquila (ao contrário de todos os meus medos). Avisei o Andres (meu noivo) que estava tudo certo e peguei um Uber. Toda função de aeroporto e Uber levou um tempinho, e quando cheguei à casa onde ficamos hospedados era quase 8h. Descansar? Que nada! Troquei de roupa e já saímos.

 

O plano do dia era passar na Times Square (pra ver ela de manhã cedo e vazia), atravessar a ponte do Brooklyn e conhecer os bairros Dumbo e Williamsburg (onde ficamos hospedados). Pegamos o metrô e, ao chegarmos à Times Square, me dei conta que havia perdido meu celular. 🙁

 

Bom, não podemos deixar um bem material atrapalhar a viagem, né?

 

.!

 

De carona

Almoçamos em um Chipotle (rede mexicana deliciosa) e fomos para a prefeitura de NY (New York City Hall) para começarmos a travessia da Brooklyn Bridge. O prédio histórico da prefeitura é bonito e vale uma visita por seus jardins. Ali encontramos um esquilinho muito fofo que ficou curioso com a minha câmera.

 

🐿

.!

.!

A travessia inteira que liga Manhattan ao Brooklyn tem uma extensão de 1,8 km e uma vista incrível. No caminho, muitos turistas tirando fotos, pessoas andando de bike, ambulantes vendendo seus Pretzels e souvenirs. Nosso passeio foi de dia, mas tenho certeza que seria incrível à noite também.

 

 

De carona

Ao chegarmos ao Dumbo (uma região do Brooklyn, logo depois da ponte) estávamos maravilhados e loucos para conhecer um pouco mais. 🙂 O Dumbo é um antigo bairro de fábricas e onde alguns artistas moravam por ser mais barato. Atualmente ele comporta lojas diferentes, cafés bonitos, galerias de arte e apartamentos para hypados que querem morar em um local mais cool e pertinho de Manhattan. Entre diversas lojinhas incríveis, paramos para tirar a famosa foto entre os prédios e com a Manhattan Bridge ao fundo.

 

 

Caminho que segue, visitamos a One Girl Cookies (uma delícia), o Jane’s Carousel (muito fofo) e terminamos o dia vendo o pôr do sol no parque que fica embaixo da ponte e tomando um sorvete da Brooklyn Ice Cream Factory. Ver a ponte, todos skylines de Manhattan e ainda curtir o clima do Dumbo que é só amor, foi lindo demais!

 

 

De carona

De carona

 

.!

.!

De carona

.!

.!

.!

Dia 3

 

Esse dia foi oficialmente o dia de realizar um sonho antigo do Andres: ir a um jogo de futebol americano. 🙂 Como o MetLife Stadium fica em Nova Jersey, aproveitamos para conhecer a famosa Carlos Bakery, confeitaria do famoso Cake Boss. Pegamos um trem e rapidinho estávamos em Hoboken (bairro onde fica a padaria), caminhamos algumas quadras até chegarmos lá. Chegamos, compramos nossos doces e depois comemos todos eles em um banquinho da rua. Com a glicose lá no alto, nos sentimos prontos para ir para o jogo.

.!

.!

De carona

.!

.!

De lá, saímos para o MetLife Stadium ver um jogo dos Jet’s. No estacionamento mesmo as pessoas fazem seus churrasquinhos e ficam bebendo (como aqui no Brasil)… E por toda parte ao redor do estádio tem brincadeiras e algo acontecendo para divertir o pessoal. Enfim, é uma atração para toda família.

.!

.!

De carona

.!

.!

Tudo dentro do estádio é uma atração à parte! São diversos corredores com opções para comer e beber (inclusive cerveja), as famosas cheerleaders (iguais as dos filmes). Foram quase 3 horas de jogo que passaram rapidinho, graças a todas essas interações. Me diverti muito!

 

Saindo do jogo, tínhamos a missão de voltar para Nova York e nenhuma ideia de como fazer isso. Como tudo é muito organizado e funciona bem, rapidamente fomos orientados. Em 30 minutos já estávamos em NY novamente. Só alegria! \o/

.!

.!

 

De carona

 

De carona

De carona

 

 

.!

.!

Começando o tour de Natal…

Dia 4

 

Começamos o dia conhecendo uma das maiores lojas de doces do mundo, a Dylan’s Candy Bar… Logo depois, passeamos pela vitrine da Bloomingdale’s, grande loja de departamentos. A vitrine dessa loja foi uma das que mais gostei… Em cada espaço havia alguma interatividade como videokê com músicas natalinas, brincadeiras com espelhos e por aí vai. Seguimos em frente e passamos pelo Plaza Hotel (do filme do Esqueceram de Mim). Caminhamos pela 5ª Avenida e admiramos as impecáveis e lindas vitrines de Natal das marcas mais famosas do mundo: Tiffany, Cartier, GAP, Uniqlo, Microsoft…

.!

.!

De carona

 

No meio de tantas lojas enormes e lindíssimas, paramos para visitar o hall do Lotte Hotel (aquele onde foram gravadas algumas cenas do seriado Gossip Girl). Lá fica uma das minhas árvores favoritas da cidade. Na frente do hotel está a St. Patrick’s Cathedral, conhecida por ser a maior catedral católica dos EUA e chama atenção pelo seu estilo neogótico bem no meio do caos da 5ª Avenida.

 

Seguimos passeando por essa região e nos deparamos com a vitrine da hollywoodiana loja Saks. E a nossa reação foi: UAU! Cada parte da vitrine contava uma parte da história da Branca de Neve de forma animada e interativa. Além desse espetáculo na vitrine, a loja estava magicamente enfeitada por dentro. E para completar, um castelo de luzinhas na fachada do prédio que era dos sonhos. 😍

 

A Saks fica em frente à rua do Rockefeller Center – onde a MAGIA do Natal nova-iorquino acontece – se você não acredita em Papai Noel, vai acreditar a partir de agora! Além de lojas conceitos, como a da LEGO (que é fofíssima), na temporada de inverno eles fazem uma área de patinação que fica abaixo da majestosa árvore de Natal e seus anjos dourados, talvez uma das mais famosas do mundo.

 

Todos os anos, é organizada uma cerimônia para acender as luzes da árvore, que marca o início da temporada natalina em Nova York. A árvore é natural e tem 25 metros de altura, aproximadamente. Tudo isso ao embalo das músicas de Natal, que eu adoro. Depois da primeira visita, voltamos outras vezes para curtir esse cantinho tão especial.

De carona

 

 

Pausa para o almoço!

 

Dessa vez, fomos conhecer o Carmine’s, por indicação de vários amigos. O restaurante fica pertinho da Times Square e tem um preço bem bacana para NY. Eles servem massas deliciosas e uma bela decoração festiva.

 

 

Saindo do Carmine’s e fomos para o Bryant Park, que fica no meio da cidade. Lá acontece uma feirinha de Natal com diversas coisas deliciosas como Pretzels de maçã, chocolates quentes e lojinhas de enfeites natalinos. Bem no meio do parque tem uma pista de patinação gratuita (você só precisa pagar o aluguel dos patins, se não tiver) e curtir muito! Ali ficamos por algum tempo curtindo o clima, assistindo as pessoas levarem alguns tombos na pista e tomando o melhor chocolate quente que já tomei na minha vida!

Depois do parque – turistas que somos – visitamos rapidamente a imponente Biblioteca Pública e, na saída, resolvemos descansar uma área super legal do prédio onde tem um telão, arquibancadas, aquecimento, internet, banheiro e livros, é claro! Recarregamos as energias e fomos passear mais uma vez pelas ruas, aproveitando toda a atmosfera de Natal da cidade.

.!

 

De carona
Carmine’s
De carona
Bryant Park
De carona
Biblioteca Pública


De carona
Passeando pela decoração de Natal da cidade

.!

Dia 5

 

.!

O dia começou com um café da manhã no delicioso Bagle Stores. De lá, partimos para o Museu de História Natural (aquele do filme Uma Noite no Museu)… O museu fica dentro do cinematográfico Central Park e, claro, fizemos todo o rolê por lá:

 

• Conhecemos o famoso Edifício Dakota e o Strawberry Fields (memorial lindo feito pela Yoko para o John Lennon).

 

• Visitamos a Bethesda Fountain e Terrace, onde curtimos um visual lindo e a música de um senhor que estava tocando ali.

 

• Passamos pela Bow Bridge, onde vimos um casal tirando fotos de seu casamento (a coisa mais querida do mundo).

 

• E terminamos nosso passeio no Wollman Rink, a famosa pista de patinação do Central Park, que mostra todo o skyline de Nova York. <3

 

 

 

De carona
The Bagel Store

 

De carona
Strawberry Fields
De carona
Museu de História Natural

 

De carona
Central Park

 

.!

.!

Esse também foi o dia de realizar um antigo sonho, assistir ao espetáculo Radio City Christmas Spectacular com as Rockettes! E o que dizer? Ri, chorei… Me emocionei do início ao fim! Até o Andres curtiu bastante. Foi, literalmente, um sonho de Natal poder viver esse momento!

.!

.!

De carona
Radio City Christmas Spectacular

.!

.!

Dia 6

.!

.!

 

De carona

Nesse dia, a agenda era cheia e empolgante: íamos passear pelo Soho, Tribeca, Chinatown, Little Italy e West Village. Ufa! Gostaria de ter tido mais dias para aproveitar tudo isso, mas fizemos valer a pena cada segundo. 🙂

 

Pelo Soho e West Village tudo é cool, colorido e feliz… Ali vimos diversos prédios com as escadinhas do lado de fora, uma infinidade de vendedores de árvores de Natal, árvores vestidas de crochê coloridos, cafés lindíssimos e pessoas descoladas e elegantes.

 

De carona

De carona

 

 

 

Passamos rapidamente por Chinatown (que como toda Chinatown, tem um monte de coisas baratas e mercadinhos típicos). Little Italy, com diversos restaurantes, ótimos preços e prédios pintados com as cores da Itália.

 

Dali, fomos para o Chelsea Market, um antigo galpão que foi transformado em um lugar cheio de lojinhas bacanas e restaurantes deliciosos. Almoçamos felizes e fomos passear pelo High Line Park, um parque elevado construído nos antigos trilhos de um trem que ligava diversas partes da cidade.

 

Nesse dia tivemos que cortar nosso passeio pela metade por uma ótima causa. Enquanto estávamos no High Line, o Andres tentou ligar para o meu celular (perdido) mais uma vez e eis que uma moça atendeu! Falamos com ela e combinamos um local para a devolução. Seria um sonho de natal? Torci para que fosse. O dia terminou até mais feliz! <3

.!

 

De carona
Little Italy  //  Chelsea Market  //  High Line Park

 

.!

.!

Dia 7

.!

Colocamos muitas coisas por dia em nosso roteiro e todos os dias Nova York nos surpreenderam. Somando isso, a dor nos pés das caminhadas e as paradas para chocolates quentes em função do frio, algumas coisas ficaram para trás… Então começamos a costurar a cidade para conseguir fazer o que queríamos muito.

 

No nosso sétimo dia teve:

 

• Brunch delícia num lugarzinho perto da casa onde ficamos hospedados.


• Pulo no Columbus Circle, onde estava rolando uma feirinha de Natal bem bacana.


• Passada no Lincoln Center Plaza (ainda voltarei para ver um espetáculo de balé).


• Visita ao Metropolitan Museum of Art (MET). E claro que teve pausa pra foto nas famosas escadarias do museu, né? 😉


• Parada no Top of the Rock para curtir a vista incrível! Sou apaixonada. 😀

 

 

De carona

 

 

Dia 8

.!

Dia de turistar pela região do Financial District.

 

Começamos o passeio com um delicioso almoço em um P.J. Clarke’s (recomendo!), depois vimos o One World Observatory (dá pra subir se você quiser), que fica ao lado do Memorial 9/11. A visita ao Memorial foi extremamente triste e tocante… Acredito que todos que estavam ali sentem um pouco isso… É um silêncio e uma comoção tão grande naquele lugar que me arrepio só de lembrar.

 

De lá, caminhamos pela Wall Street, vimos a Bolsa de Valores de Nova Your e o famoso Touro de Wall Street. Terminamos o dia (sim ou com certeza) tomando uma boa cerveja em uma ruazinha que é um amor, chamada Pearl Street. Toda de paralelepípedos, a rua tem todo um charme e é uma das mais antigas da cidade.

 

 

De carona
One World Observatory

 

De carona
Touro de Wall Street
De carona
Memorial 9/11

 

De carona
Pearl Street

 

 

Dia 9

 

 

De carona

 

Nesse dia acordei cedinho e empolgada. O motivo? Era o dia do SantaCon!

 

SantaCon é o dia em que todo mundo sai pelas ruas de NY vestido de Papai Noel ou algum outro personagem natalino para curtir um autêntico pub crawl (uma maratona etílica) e ir a diferentes bares, bebendo um pouco em cada um deles. 🍻

 

E o que pode ser mais fantástico do que um monte de personagens de Natal juntos? NEVE! Quando olhei pela janela lá estava ela, branquinha e linda, caindo do céu. Vamos combinar que neve não é a melhor coisa para quem vai caminhar muito pela cidade, mas tem um super charme e deixa qualquer pessoa com o coração quentinho. <3

 

Colocamos nossos enfeites natalinos e pegamos o metrô com destino ao ponto de encontro. Quanto mais perto, maior a agitação e pessoas fantasiadas, dos pés a cabeça. Chegamos ao local e, além de ter músicos, distribuíram um postal com os bares que faziam parte da programação de SantaCon. Aproveitamos um pouco o clima e decidimos ir a um dos bares que ficava ali pertinho.

 

Ao chegar ao bar, não podia ser mais legal: um montão de gente feliz, se divertido, em clima de Natal. Bebemos algumas cervejas e seguimos o resto da programação do dia.  

 

Caminhamos na neve, visitamos o MOMA… E, para terminar, fomos para um bar no Brooklyn e provei um drink delicioso chamado Absolut Brooklyn. Foi demais!

 

De carona
MOMA
De carona
Decoração e neve ♥

 

 

 

Dia 10

 

A neve parou, mas o efeito dela ficou. Como estava bastante frio, a neve não derreteu completamente e ainda pudemos passear pela cidade branquinha.

 

De carona

De carona

 

 

Começamos o dia visitando o Empire State. Sim! Depois de ver ele todos os dias de diferentes pontos da cidade, fomos ver sua linda vista. Optamos por visitar o Top of the Rock no final do dia e o Empire de dia, para termos um pouquinho de cada turno da cidade. Foi lindo porque os prédios ainda estavam com neve no topo e conseguimos identificar diversos pontos da cidade lá do alto.

 

 

 

Ali pertinho, passamos pela frente do Flatiron Building (que tem esse nome por parecer um ferro de passar roupa)… Caminhamos um pouquinho e chegamos ao Grand Central Terminal, mais um cenário de filme para nosso roteiro. Depois pegamos um metrô amigo e voltamos para o Brooklyn. Como era sábado, a região de Williamsburg estava bem agitada: diversos cafés e lojinhas abertos. Fizemos um tour de uns 30 minutos pela cervejaria Brooklyn Brewery.

 

De carona

 

E para fechar, mais um super desejo de Natal foi realizado: visitar as famosas Luzes de Natal de Dyker Heights (em uma região mais afastada do Brooklyn). A tradição de enfeitar as casas começou há bastante tempo nessa região, mas acredito que cada ano eles se superam e deixam tudo mais mágico. Aqui, as imagens valem mais do que qualquer palavra! 🙂

 

 

Bye Bye, New York!

 

 

Deixamos o último dia reservado para o passeio de barco pela Estátua da Liberdade. Chegamos perto do almoço no píer e pegamos o primeiro barco que saiu. A vista da cidade é o que mais vale a pena! Saímos do passeio de barco e fomos para o Bryant Park, um dos lugares que ganhou nosso coração em Nova York.

 

Nada melhor do que terminar nossa viagem incrível com um chocolate quente delicioso e um tempinho andando de patins no gelo com esse visual.

De carona

 

 

Foi lindo demais! Voltamos ao Brasil felizes e realizados!

 

Obrigado por compartilhar essa super trip com a gente, Bru!

 

 

De carona

 

De carona

De carona

 

De carona

 

 

E nós, aqui no Bomde, fechamos este post desejando um Natal cheio de amor, seja onde for!

 

Boas festas! 💫🎄