11.09.19 | Escrito por: O Bom de Viajar

Roteiro Macaé por insiders

Conheça o paraíso ainda pouco explorado no litoral Norte do Rio de Janeiro

Praias incríveis, ilhas paradisíacas, reservas ecológicas, excelente gastronomia, riquezas históricas e culturais. Tudo isso e muito mais só a 190 Km da capital do Rio de Janeiro, em um lugar cheio de encantos e atrações no ainda pouco explorado litoral Norte fluminense. 🏝️

 

Curioso para saber o nosso próximo destino? O Bom de Viajar desembarcou em Macaé e fizemos um roteiro completo, com dicas insiders e tudo o que você precisa saber para que sua viagem por lá seja um sucesso.

 

Pegue carona e surpreenda-se! 🚗

 

 



Encante-se com todas as belezas e atrações de Macaé, um paraíso pouco conhecido no litoral Norte do Rio.

 

 

E para nos guiar nessa linda viagem, convidamos a turismóloga Grazielle Heguedusch e o memorialista Rúben Pereira, dois moradores e especialistas quando os assuntos são as atrações e encantos de Macaé. 

 

Com vocês, Grazi e Rúben. Contem tudo pra gente!

 

 

 

Bem-vindo a Macaé!

 

Conhecer, aventurar-se, desvendar e se encantar. Estas são as certezas que temos para quem visita Macaé com a alma e o coração abertos.

 

Macaé é uma verdadeira miniatura do Brasil em todos os sentidos. Tanto por sua diversidade de belezas naturais como por suas ricas histórias.

 

 

 

As praias de Macaé

 

 

Cidade à beira mar, Macaé tem muito mais do que belíssimas praias! E olha que as praias macaenses são convites ao relax e a banhos restauradores. Além de serem perfeitas para a prática de diversos esportes como surf, ciclismo, canoagem, stand up paddle, kite surf, caminhadas e corridas.

 

As praias mais frequentadas são as da orla Sul da cidade: Praia do Pecado, Praia dos Cavaleiros, Praia de Imbetiba, Praia Campista e Praia das Pedrinhas (que fica no limite da cidade, entre Macaé e Rio das Ostras).

Foto da beira da praia com areia e ondas ao fundo, ao final da tarde.
Praia Campista

 

 

 

Conheça um pouco mais sobre as praias de Macaé

 

 

Praia de Imbetiba – fica no centro da cidade, no bairro de mesmo nome. Nesta praia a dica é chegar de manhã cedinho para conhecer a turma animada que se autodenomina “Os Anormais”. É um grupo de pessoas que se encontram todas as manhãs para nadar nas águas calmas da Imbetiba. Chegue cedo para conferir e quem sabe acompanhar a galera. 

 

Praia dos Cavaleiros – o legal aqui é curtir os recantos para banho na praia nas pedras do Posto 1 e na curva com a Praia do Pecado, no Posto 2. A orla da Praia dos Cavaleiros é um dos lugares mais badalados de Macaé e por lá sempre tem pessoas praticando caminhada, ciclismo, vôlei, futebol, futevôlei, frescobol entre outros esportes ao ar livre. É nesta praia onde fica o Polo Gastronômico de Macaé. São bares e restaurantes com diversidade e alta qualidade da culinária local, com excelentes opções do almoço ao happy hour.

 

Praia Campista – ao lado da Praia dos Cavaleiros, é a morada das corujas buraqueiras, que são protegidas pelos moradores locais. A praia também tem uma base de kite surf, esporte de aventura que vale a pena curtir. Outra atração é Farol Velho ou Farolito de Macaé, que fica na direção contrária à Praia dos Cavaleiros, em direção ao centro de Macaé indo direto pela orla até passar a portaria da Petrobras e seguir uma ciclovia à beira mar. A praia tem águas mornas e cristalinas. Um lugar de muitas memórias, linda vista e perfeito para tirar fotos. 

 

Praia do Pecado – local favorito dos surfistas e dos jovens mais descolados de Macaé, a praia é ótima para banho.

 

Praia de Imbetiba

 

Praia dos Cavaleiros

 

Foto da areia da praia com as ondas do mar á esquerda e uma família sentada na areia com um guarda-sol e crianças brincando.
Praia do Pecado

 

 

Dica da Grazielle e do Rúben: nas praias de Macaé vale aproveitar o serviço de delivery da Help Bebidas, que entrega a bebida que você desejar, do suco à cerveja geladinha. 

 

Temos ainda as praias da orla Norte, que são: Praia da Barra, Praia da Fronteira, Praia do Aeroporto, Praia São José do Barreto, Praia do Lagomar e Praia de Jurubatiba. Estas praias têm mar mais agitado e em muitos dias do ano são impróprias para banho por conta da influência do caudaloso Rio Macaé. Outras opções são as paradisíacas praias do Arquipélago de Sant’Anna, com águas calmas e cristalinas, que foram palco de muitas histórias e lendas.

 

 

 

Ecoturismo e belezas naturais em Macaé

 

 

Em Macaé o amanhecer e o fim de tarde são espetáculos diários de rara beleza e encantamento. O sol nasce no mar e cai nas serras. A cidade reserva uma diversidade de atrativos de tirar o fôlego. São lagoas, restingas, canais, rios, mangues, ilhas, praias, serras, cachoeiras, Mata Atlântica e muito mais. Tudo isso em meio às unidades de conservação como o Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba, a APA (Área de Proteção Ambiental) do Arquipélago de Sant’Anna, o Parque do Atalaia e a APA do Sana Reserva Biológica da União.

 

Muito além do petróleo, Macaé é um município a se desvendar:

 

Foto da lagoa com vários barquinhos á vela no lago com o céu azul ao fundo.
Lagoa Imboassica

Lagoa de Imboassica – um dos pontos paradisíacos de Macaé, separada do Oceano Atlântico por uma fina faixa de areia, com águas mornas de coloração escura, graças à riqueza de minerais nela contidos. No fim de tarde, o pôr do sol é um espetáculo à parte. Na Lagoa tem feirinha de artesanato e quiosques. Por lá, você pode alugar pedalinhos, pranchas, bicicletas, praticar canoa havaiana, canoagem, kite surf, stand up paddle, caminhada, corrida entre outros esportes.

 

 

Arquipélago de Sant’Anna – uma área de proteção ambiental resguardada pela Marinha com visita controlada. Lá ficam três ilhas: a Ilha de Sant’Anna, onde fica a base da Marinha e a visitação é mais controlada, a Ilha do Francês, que tem visitação liberada, e o Ilhote Sul, que é desabitada e não tem estrutura para visitação. Para conhecer o Arquipélago é necessário dirigir-se ao Iate Clube de Macaé para maiores informações.

Menina praticando wakeboard no lago com montanhas de pedra e vegetação ao fundo.
Arquipélago de Sant’Anna por: @luizaneto

 

Menina em meio a areia de costas para a foto e de frente para o lago com o pôr do sol ao fundo.
Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba por: @mayaradferreira

Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba – único parque nacional de restinga do país, o parquea abrange em sua área os municípios de Macaé, Carapebus e Quissamã. São 18 lagoas de uma beleza ímpar e biodiversidade de espécies muito estudada por cientistas do Brasil e do Mundo. No parque está o antigo Canal Campo-Macaé, construído com mão escravizada no século 19, e à época o maior canal do mundo em extensão, sendo superado apenas com a construção do canal do Panamá no século seguinte.

 

Sana – lugar de paz e contato com a natureza, no Sana você encontrá um exuberante paraíso ecológico, com muitas cachoeiras, boa infraestrutura de hospedagem, diversidade de restaurantes, forró e reggae de primeira, em um vilarejo com variedade de artistas, artesãos e amantes da natureza. Tomado pela Mata Atlântica, o Sana é uma Área de Proteção Ambiental desde 2001. Conta também com trilhas e trekkings, e o ponto mais visitado é o Peito do Pombo. De lá você terá uma vista panorâmica de toda a serra e uma sensação de paz e esplendor. Vale muito a pena para quem curte montanha.

Foto do letreiro da feirinha de artesanato do Sana.
Feirinha de artesanato do Sana

 

Dica da Grazielle e do Rúben: pra quem deseja aproveitar de verdade cada pedaço desse paraíso chamado Macaé, indicamos os tours do Almanaque Macaé Turismo. Aos aventureiros, vale conferir o Mini Trekking para as Pedrinhas, Circuito das Águas e Bike Tour da Lagoa ao Farol. E pra quem curte tour cultural, a dica é conferir o roteiro City Tour – Desvendando Macaé.

 

 

 

 

Atrações históricas e culturais em Macaé

 

 

Foto da fachada do Forte Marechal Hermes.
Forte Marechal Hermes

As atrações históricas e culturais de Macaé são muitas. A Igreja de Sant’Anna, o Forte Marechal Hermes, a Praia de Imbetiba, o Mercado de Peixes, o Centro Cultural do Legislativo, o Solar dos Melo (Museu da Cidade de Macaé), a Rua da Praia, a Rua Direita, a Sociedade Musical Nova Aurora e a Sociedade Musical Beneficente Lyra dos Conspiradores são alguns dos atrativos da cidade. E para conhecer melhor cada um deles, o Almanaque Macaé Turismo preparou a tour Desvendando Macaé. No roteiro você poderá conhecer a história de Macaé desde séculos passados aos dias de hoje, com monumentos, lendas, museus e personagens icônicos.

 

 

 

Gastronomia e diversão em Macaé

 

 

Dicas de onde comer, beber e se divertir na cidade.

 

Crow Beer – cervejaria local de Macaé com pub próprio, o Crow Beer Pub, com as melhores cervejas artesanais da região. Sextas e sábados rola música ao vivo, e um domingo por mês tem a Roda de Rock.

 

Bar do Ivair – a tradição de botecos pequenos e cheios de memórias em Macaé pode ser sentida numa visita ao Bar do Ivair. Berço de samba e de encontros familiares, cerveja sempre gelada, atendimento informal (você mesmo pega sua cerveja na geladeira) e tira gostos de primeira.

Foto de dois copos de chopp, batatas e um prato com carne do Crow Beer.
Crow Beer por: @crowbeerpub

 

 

Foto da placa da fachada do Bico da Coruja Bar.
Bico da Coruja Bar

Bar do Jorginho – fica no bairro Costa do Sol e vem se tornando o point nas noites de Macaé. Às segundas-feiras rola o sarau de poesia e música, às quintas-feiras com a roda do Regional Choro do Biguá e aos sábados com a turma do hardcore. Cervejas geladas, petiscos e ambiente sem frescura.

 

Bico da Coruja – botequim onde se reúnem os chorões da cidade. Todas às quartas-feiras, músicos profissionais e amadores se encontram para festejar a música. A dica é pedir a sardinha na pressão da casa, é divina.

 

Restaurante Feito com Arte – no Mirante da Lagoa uma visita ao restaurante é uma dica imperdível. Cozinha de primeira e variada com cervejas especiais, artesanais e locais.

 

Pizzaria do Mirante – as pizzas mais gostosas de Macaé, sempre com exposições culturais e artísticas no espaço.

 

Pólo Gastronômico de Macaé – a Praia dos Cavaleiros reúne dezenas de restaurantes com cardápios dos mais variados e especializados. Ir a Macaé e não comer as delícias do mar servidas no restaurante Ilhote Sul é um pecado. O chef e proprietário da casa muitas vezes serve lagostas escolhidas por ele em pescarias no fundo do mar macaense e leva até a mesa sempre com inventividade e paladar acurado. No Durval é onde os grupos de amigos se reúnem para comer, petiscar e bebericar, em uma casa super especial e com atendimento nota 10.

 

Foto de uma tenda em uma bicicleta no Pólo Gastronômico de Macaé.
Pólo Gastronômico de Macaé por: @marinatorreslima

Picanha do Zé – em Macaé existe a tradição de comer picanha feita na pedra e por toda orla da Praia dos Cavaleiros é fácil de encontrar o prato.  E para experimentar essa iguaria, a Picanha do Zé é um dos melhores lugares.

 

 

Foto de dois drinks de morango do restaurante Ô Zé Gastronomia.
Ô Zé Gastronomia por: @ozegastronomia

Ô Zé Gastronomia – pratos sofisticados e cheios de sabor que podem ser apreciados em uma linda varanda de frente ao mar. Na carta de bebidas, vale pedir o delicioso chope da cervejaria macaense Show de Bola.

 

A riqueza e variedade gastronômica sempre aliada ao bom gosto e apresentação de alto nível são as características dos restaurantes da orla da Praia dos Cavaleiros. E para fechar as nossas dicas no Polo Gastronômico de Macaé, não podem ficar de fora da lista H Kills Burguer, o Kebab’s Store e o Sushi Ninja.

 

 

 

Gastronomia na Lagoa de Imboassica

 

A Lagoa de Imboassica é um ponto muito especial de Macaé por conta do seu visual todo fim de tarde. Na lagoa, o espaço Beco das Artes é uma ótima pedida para quem gosta de boa gastronomia e clima alto-astral. Com encantadoras réplicas de casarios antigos, o Beco tem food trucks que funcionam a partir de 18h.

 

Foto da fachada das réplicas de casarios antigos do beco das artes.
Beco das Artes por: @marcianettto

Os quiosques da lagoa ficam lotados no fim de semana, com pessoas praticando esportes, curtindo música ao vivo e se deliciando ao sabor do mar e da bela vista.

 

Uma dica é alugar uma bicicleta na Enjoy Bike e dar um passeio na orla até a Praia do Pecado, ou contratar o serviço de canoa havaiana para fazer um passeio inesquecível. Ainda dá para alugar pedalinhos, pranchas e canoas.

 

 

 

Gastronomia no centro de Macaé

 

Dois locais que merecem ser visitados em Macaé na região do centro da cidade. Um deles é o Mercado de Peixes de Macaé, onde você encontra os peixes e frutos do mar mais frescos da cidade. Um lugar histórico, ladeado pela Praça Benedicto Lacerda, com vista para o encontro do rio com o mar. A segunda dica é dar um pulo na Praça Veríssimo de Melo, pertinho do Mercado de Peixes, com diversos monumentos do século 19, coreto, rinque de patinação e o Obelisco da cidade. Na praça estão alguns food trucks e barracas de artesanato, além de parquinho infantil. Vale a pena conhecer.

Foto da fachada do Mercado de Peixes.
Mercado de Peixes

 

 

Lembrancinha em Macaé

 

 

Livraria Nobel na orla da Praia dos Cavaleiros fica a Livraria Nobel, um espaço com bistrô e livros para todos os gostos. 

 

Livraria Memória Macaense – o visitante que chega a Macaé e quer levar uma lembrança da cidade, não pode deixar de conhecer os livros e souvenirs que a Livraria Memória Macaense disponibiliza.

 

 

 

 

Onde se hospedar em Macaé

 

 

 

E depois que curtir as atrações da cidade, para aquele merecido descanso ou para seguir a diversão, nossa dica de hospedagem é o novíssimo Golden Tulip Macaé, um dos melhores hotéis da região.

 

 

 

 

 

 

 

Sobre os nossos guias:

 

Rúben Pereira – Músico, Poeta e Memorialista. De família antiga da região, nasceu em Macaé e em continuação ao trabalho de diversas gerações da sua família resguarda e promove a memória local com diversas ações como o OMM Observatório da Memória Macaense, o roteiro Desvendando Macaé, o Museu Virtual Antonio Alvarez Parada e o Almanaque Macaé Turismo.

 

Grazielle Heguedusch – Turismóloga formada pela UNIRIO com Pós Graduação em História e Cultura no Brasil. Guardiã do Acervo Antonio Alvarez Parada e pesquisadora do OMM. Criadora do Desvendando Macaé e do Almanaque Macaé Turismo.    

 

 

Quer saber mais sobre Macaé? Acesse:

 

Desvendando Macaé
Memória Macaense
Desvendando Macaé Turismo

 

Viram quantas dicas incríveis o Rúben e a Grazielle trouxeram para vocês? Muito obrigado, gente!

 

Obrigado pela companhia, viajantes!

 

Até a próxima! ❤️